Monitorização ambiental contra a transmissão de bactérias

temperature-humidity-hospitals

A temperatura e a humidade relativa afectam a sobrevivência de vírus, bactérias e fungos no ar. O controlo ambiental nos hospitais não só é valioso para o conforto humano e para a poupança de energia, como também é importante devido à transmissão de doenças infecciosas por aerossóis ou infecções transmitidas pelo ar. A manutenção das instalações hospitalares a uma determinada temperatura e a uma determinada humidade relativa (40 a 60 %rh) é susceptível de reduzir a sobrevivência no ar e, por conseguinte, a transmissão da gripe e de outros vírus ou bactérias.

Uma outra fonte de propagação de bactérias é a água potável. O desenvolvimento de legionella nas linhas de água potável pode ser prevenido evitando uma gama de temperaturas entre 25 °C e 55 °C e através de uma "desinfecção térmica" regular, aquecendo os tanques e o sistema de tubagens a mais de 70 °C.